Home > Família em férias > Aventuras para fazer em família no Brasil
22 de setembro de 2016

Aventuras para fazer em família no Brasil

Uma seleção de viagens de aventura no Brasil para toda a família aproveitar junto!

Quais os destinos de aventura mais legais? Em um país com tanta diversidade como o Brasil é bem complicado fazer uma lista definitiva. Há tantos lugares divertidos com aventuras interessantíssimas que fica fácil se perder. Vou tentar, porém, trazer para cá algumas ideias de viagens de aventura que possam ser bacanas para toda a família – crianças, adolescentes, pais e até avós. Para a gente poder viajar junto e misturado.

to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_herjua

1) Mergulhar em Fernando de Noronha
Apesar de Noronha ser um arquipélago a duas horas de avião do continente, e não ser o lugar mais ideal para idosos e bebês, pode ser um destino de aventura bem interessante para famílias que estejam com boas condições de saúde e em boa forma física. Um dos passeios mais indicados é o mergulho livre, apenas com snorkel e máscara. Como a visibilidade da água por aqui é imensa e o arquipélago é uma espécie de oásis no meio do Atlântico, atraindo muitos peixes, dá para ver muuuita coisa apenas afundando a cabeça na água. Na Praia do Atalaia, que tem horário marcado para receber visitantes, você pode passar poucos e bons minutos em uma piscina natural de menos de um metro de profundidade. Dá para ver peixinhos lindos – e também moreias (credo!). Já na Praia do Sancho, as arraias fazem o balé e quase roçam na sua perna. Na Baía do Sueste, é a vez das tartarugas enormes passarem ao seu lado na maior suavidade.
Época ideal: outubro – quando parou a chuva, mas as árvores ainda estão verdinhas. E o mar ainda está calmo.
Outras aventuras em Fernando de Noronha: canoagem, caminhadas, observação de golfinhos.

to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_haveseen
to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_Global_Pics

2) Cavalgar nos Aparados da Serra
Uma das mais belas maneiras de conhecer os cânions do Rio Grande do Sul é no lombo de um cavalo. Isso por que o Parque Nacional dos Aparados da Serra é enorme. Em sua área há mais de 30 cânions – alguns a mais de 1000 metros de altitude – de onde se vê, no horizonte, o mar. As agências locais têm passeios de dois a sete dias estruturados, com guias experientes. Os cavalos, sempre mansinhos e de trote macio. Passeios na CampoFora: (54) 3244 2993.
Época ideal: outono e inverno, quando chove menos – mas prepare-se para o frio!
Outras aventuras nos Aparados da Serra: caminhadas.

to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_agustavop
to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_AnnaElizabethPhotography

3) Escalar árvores na Amazônia
Bom, para este passeio, os vovôs e as vovós terão de esperar embarcados – e o passeio de barco nos igarapés, diga-se de passagem, já vale a viagem. A não ser, claro, que eles sejam superesportistas e tenham disposição para fazer um rapel às avessas. A escalada em árvore é uma maneira diferente de descobrir as mais altas árvores amazônicas – atenção: há árvores com mais de 35 metros! Do alto das copas, os aventureiros vão encontrar uma floresta amazônica sui generis e perceber a fauna e a flora de um outro ângulo. Sem esquecer que é uma delícia de exercício. Uma das agências pioneiras no tema é a Amazon Tree Climbing: (92) 8195-8585.
Época ideal: inverno, pois chove menos.
Outras aventuras na Amazônia: passeio de barco, observação de pássaros.

to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_ttdesigns
to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_pxhidalgo

4) Caminhar na Chapada Diamantina
A Chapada Diamantina é um dos mais belos destinos do Brasil. Seus chapadões e suas veredas são cenário perfeito para quem gosta de caminhadas. Há roteiros de 1 a 12 dias, conforme a disposição dos andarilhos (e eventualmente a vontade de dormir acampado). Dá para ver rios, cachoeiras, cânions, cavernas, mata cerrada, paisagens incríveis. Um bom ponto de partida é a cidade de Lençóis, na Bahia. No centro da cidade, há agências com guias capacitados para as aventuras.
Época ideal: outono e inverno – chove menos.
Outras aventuras na Chapada Diamantina: tirolesa, rapel, passeio de barco, exploração de cavernas.

to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_Jeilson Barreto Andrade
to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_SergioZacchi
www.togotravel.com.br
www.togotravel.com.br

5) Fazer rafting em Brotas
O cardápio de raftings em Brotas é tão sensacional que satisfaz do mais viciado em adrenalina ao mais medroso. Tem desde rafting para crianças – com altura mínima de 1,20 – até rafting com rio cheio, corredeiras mais fortes e quedas de 3 metros – com altura mínima de 1,50. E ainda opções diferentes como rafting em noite de lua cheia, rafting em botes para apenas três pessoas… Os passeios costumam durar de 3 a 4 horas e são uma ótima oportunidade para colocar a família no mesmo bote. Não esquecer que, apesar dos coletes de segurança, é preciso saber nadar. A mais tradicional agência local é a Alaya: (14) 3653-5656.
Época ideal: verão, para se molhar sem medo do frio.
Outras aventuras em Brotas: arborismo, quadriciclo, boiacross, tirolesa, rapel, canionismo, flutuação, cavalgada.

to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
Governo do Estado de São Paulo
to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
Governo do Estado de São Paulo

6) Passear de traineira em Paraty
Todo mundo repete que Paraty não tem praia. E essa é uma das ideias falsas mais propagadas do turismo brasileiro. Além das praias do continente, você pode explorar todas as outras praias da região da maneira mais singela que há: alugando uma embarcação e saindo para o mar com o seu próprio marinheiro. Você trata no próprio cais. Há possibilidade de compartilhar com outras famílias – mas aí você não poderá escolher o destino. Peça ao marinheiro que evite seguir o trajeto das escunas, sempre barulhentas e apinhadas.
Época ideal: verão, claro.
Outras aventuras em Paraty: tirolesa, arvorismo, caminhadas, passeios de bicicleta, a cavalo, de caiaque, rafting e observação de pássaros.

to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_Kseniya Ragozina
to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_azgek

7) Descobrir o rapel em Socorro
Bem pertinho de Serra Negra e Águas de Lindóia, está Socorro: cidade que, aos poucos, vem se transformando em outro importante destino de aventura paulistano. O Parque dos Sonhos é o endereço de quem gosta de esportes radicais. Especialmente o rapel. Antes de começar há treinamento para toda a família. Vocês podem escolher paredes mais baixinhas ou até descer um paredão de 50 metros. Fica na Estrada da Varginha, km 7, (19) 3855-2833.
Época ideal: inverno – chove menos.
Outras aventuras em Socorro: arborismo, tirolesa, escalada, skate, caminhadas em trilhas.

to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
Governo do Estado de São Paulo
to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
Governo do Estado de São Paulo

8) Fazer cascading na Serra da Canastra
As famílias mais radicais podem aprontar as malinhas para a Serra da Canastra, nas Minas Gerais. Porta de entrada: São Roque de Minas. É ali que fica a principal entrada para o Parque Nacional. Além de preservar a nascente do Rio São Francisco, esse parque é conhecido por abrigar uma fauna riquíssima – com direito a lobos-guará e tamanduás-bandeiras. Além, claro, de ter uma paisagem com paredões e cachoeiras. Mas são as pequenas cascatas que nos interessam… Com guias e empresas especializadas, você poderá descobri-las de um jeito diferente, descendo em corda – rapel, canyoning e cascading.
Época ideal: inverno, pois chove menos.
Outras aventuras na Serra da Canastra: caminhadas em trilhas.

to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_Luciano_Queiroz
to-go-blog-familia-em-ferias-aventuras-brasil
iStock_Luciano_Queiroz

dica to go travel

Aventura boa é a que oferece segurança nos passeios. Não deixe de ver a qualificação da sua agência local, dos guias e pergunte sobre a manutenção dos equipamentos.

Bettina Monteiro
Bettina Monteiro

Jornalista, começou a carreira descobrindo o Brasil para os Guias Quatro Rodas e participou da criação das revistas Viagem e Turismo e Próxima Viagem, e do portal ViajeAqui, da Abril Mídia. Há 12 anos, desde que nasceu sua filha Lulu, não há cidade, resort, parque ou cruzeiro que escape à sua dedicação em encontrar experiências perfeitas para viagens em família.