Home > Viajante Hiperconectad@ > Como digitalizar antigas fotos de viagem
21 de novembro de 2016

Como digitalizar antigas fotos de viagem

O novo app da Google PhotoScan digitaliza fotos em papel de uma maneira super simples e com ótima qualidade

Sabe as fotos do verão de 1998 que estão no velho álbum da casa dos pais? Todo mundo já passou por aquele momento de fotografá-las com o celular.

Foto: istock-kcslagle
Foto: istock-kcslagle

E percebeu que digitalizar fotos é tarefa é mais complicada do que parecia. Como minimizar aquele reflexo chato? Como deixar exatamente no tamanho? Como escolher a luz certa para manter a cor original?

Daí, depois de tentar fazer tudo isso, a foto aparece de ponta cabeça e você pode virar o celular à vontade que vai continuar assim…

Se você sabe do que eu estou falando, então vai ficar tão feliz quanto eu fiquei com o novo lançamento da Google: o app PhotoScan.

É gratuito, dispensa registro, tem versões para iOS e Android e é muito fácil de usar.

Foto: istock-dchadwick
Foto: istock-dchadwick

Em literalmente segundos, você tira 5 fotos da foto que quer digitalizar: uma geral e uma de cada canto (basta seguir as bolinhas que aparecem na tela para guiar os movimentos).

O app então sobrepõe as imagens, apagando os reflexos, regulando a cor, cortando no tamanho certo e virando para não ficar de cabeça para baixo.

E, então, imediatamente já é possível seguir para a próxima. O vídeo abaixo explica o app:

Em seguida, pode-se salvar as fotos digitalizadas no seu celular e compartilhar em redes sociais.

Claro que a maior intenção da Google com isso é fazer as pessoas digitalizarem todos seus álbuns, armazenarem e organizarem através de outra ferramenta legal deles, o Google Photos.

Mas o discurso oficial da empresa é o de “salvar as memórias” que estão indo para o saco. O que não deixa de ser verdade. Fotos antigas desbotam, sem falar que estão sujeitas a inimigos que vão das traças às inundações. E ficam perdidas em caixas por aí.

Agora, o oposto também é curioso. As fotos digitais também se perdem nas nuvens, nos HDs externos, na nossa desorganização.

A solução para isso? Fazer um álbum em papel das suas fotos digitais. Em plataformas de criação de Photo Books, como a Dream Books, você cria online seu projeto de álbum, paga e recebe pelo correio. Há vários templates já prontos divididos por temas ou, ainda, pode começar seu álbum do zero.

Foto: istock-grass-lifeisgood
Foto: istock-grass-lifeisgood

Do papel para o digital ou na mão contrária, a ideia é a mesma: reviver nossas memórias de viagens para reativar o faniquito de colocar o pé na estrada de novo.

dica to go travel

Quem curte fotografia não pode deixar de visitar, em Berlim, a Helmut Newton Foundation, o museu de fotografia dedicado ao brilhante fotógrafo.

Cindy Wilk
Cindy Wilk

Cindy rodou mais de 40 países, ama praias e desertos, acha a Ásia o continente mais aconchegante do mundo e não pretende parar nunca de viajar para escrever e escrever para viajar. Autora de Endereços Curiosos de Londres (Panda Books) e Volta ao Mundo em 101 Dicas (Ediouro), colaborou para várias publicações de viagem e foi diretora de redação da revista TAM nas Nuvens.