Home > Viajante Hiperconectad@ > Os fantásticos tours por fábricas de chocolate
14 de abril de 2017

Os fantásticos tours por fábricas de chocolate

De Gramado e Canela a Vila Velha, da França aos EUA, algumas fantásticas fábricas de chocolate que podem ser visitadas

to-go-blogs-viajante-hiper-fabricas-de-chocolate

 

Toda Páscoa me vem à cabeça as maravilhosas cenas de Gene Wilder em A Fantástica Fábrica de Chocolate (desculpa, Tim Burton, mas o original é insuperável). Mas mesmo para quem viu apenas a nova versão com Johnny Depp no papel de Willy Wonka, lembra dos pequenos Oompa Loompas, das cascatas de chocolate, enfim… Dá aquela vontade de visitar uma fábrica de chocolate de verdade. E a ótima notícia: no Brasil há várias, especialmente no eixo Gramado e Canela, no Rio Grande do Sul. A seguir os passeios mais legais – no Brasil e no mundo – para quem ama chocolate.

Em Gramado e Canela:

As vizinhas gaúchas cheiram a chocolate artesanal e, na disputa pelos clientes, lojas e fábricas se transformaram em verdadeiras atrações turísticas.

O Mundo do Chocolate é um parque temático que pertence à fábrica de chocolates Lugano (com lojinha no final, obviamente). São cerca de 200 esculturas feitas com 30 toneladas de chocolate, representando de atrações turísticas do mundo a animais. A Torre Eiffel, por exemplo, tem 4,22 metros de altura e pesa 800 quilos. A mais pesada, entretanto, é a Muralha da China: 6 toneladas de chocolate maciço. O ingresso é caro: R$ 35 adultos e R$ 28, crianças.

to-go-blogs-viajante-hiper-fabricas-de-chocolate
O Monte Rushmore… de chocolate! Imagem: divulgação.
to-go-blogs-viajante-hiper-fabricas-de-chocolate
Imagem: divulgação.

O concorrente do Mundo do Chocolate é o Reino do Chocolate, da chocolataria Caracol, na estrada que liga Gramado e Canela. Também um parque temático, com esculturas, um museu que conta a história do chocolate, um espaço para fazer o próprio chocolate, essas coisas.

Mas para quem quer ter o gostinho de realmente visitar uma fábrica de chocolate de verdade, há três muito bacanas:

Na Fábrica de Chocolate Planalto, entre Gramado e Canela, os visitantes percorrem todos os setores de produção, seguidos por uma degustação e a loja da fábrica, onde há “retalhos” de chocolate com desconto (aqueles irregulares, que não servem para dar de presente, mas têm o mesmíssimo gosto). A Planalto também tem uma loja-conceito no centro de Gramado, com mini-fábrica onde as pessoas podem fazer o próprio chocolate.

Na Loja e Fábrica da Florybal, a visita, também gratuita, passa por todas as etapas de produção. Com as boas-vindas bem ao estilo Willy Wonka: uma cascata de 200 quilos de chocolate. A Florybal têm também muitas outras lojas bacanas. A loja conceito, no centro de Gramado, por exemplo, serve chope artesanal de cacau.


Dá também para visitar a fábrica da tradicional chocolataria Prawer. O tour é gratuito e rápido: cerca de 10 minutos, mas os visitantes entram de fato na área de produção (com touquinhas) e não apenas olham através do vidro. E, claro, tudo acaba em degustação.


Em São Paulo:
Sim, é possível conhecer a fábrica de chocolate da Nestlé, em Caçapava, a 109 quilômetros de São Paulo. O tour (R$ 10) leva cerca no máximo 46 pessoas e tem duração de 40 a 50 minutos. É daqueles que se vê apenas pela janelinha, mas todas as etapas da produção estão ali na sua frente. Atenção: a idade mínima é de 12 anos.

to-go-blogs-viajante-hiper-fabricas-de-chocolate
Imagem: divulgação.
to-go-blogs-viajante-hiper-fabricas-de-chocolate
Imagem: divulgação.

Em Vila Velha, Espírito Santo:

O tour pela fábrica da Garoto é ainda mais bacana. Dura duas horas, passa por toda a linha de produção e acaba em uma degustação onde come-se chocolate à vontade por 10 minutos. Ao lado, o Museu do Chocolate conta a história da iguaria. Crianças acima de 7 anos já podem fazer a visita à fábrica.


No mundo:

Que americano é craque em parque temático, nós sabemos. Pois transformaram a fábrica da Hershey’s em um. O tour é apenas uma das atrações. Tem também filme 4D, degustações, espaços para fazer o próprio chocolate etc. Legal para crianças.

A dica para chocólatras gourmet descolados é a fábrica dos badalados chocolates orgânicos Mast Brothers, no Brooklyn, em Nova York. Se o design industrial já impressiona muito, o Chocolat Lab, onde se testa receitas como cerveja de nibs de cacau, fazem da Mast Brothers um programão.

to-go-blogs-viajante-hiper-fabricas-de-chocolate
Imagem: divulgação.
to-go-blogs-viajante-hiper-fabricas-de-chocolate
Imagem: divulgação.
to-go-blogs-viajante-hiper-fabricas-de-chocolate
Imagem: divulgação.

Agora… se eu  tiver que recomendar um único lugar do mundo para chocólatras aí vai: La Cité du Chocolat, dos chocolates Valrhona, em Tain L’Hermitage, uma pequena cidade ao sul de Lyon, na França. Tem museu, atividades interativas e um monte de chocolate da Valrhona, veja bem, na faixa. Vale cada centavo do ingresso de 10.5 Euros.


Confira mais dicas sobre Nova York, Gramado e São Paulo em nossos Guias de Viagem.

dica to go travel

Muitas das fábricas de chocolate exigem um dress code para visitação, tipo sapatos fechados. E outras proíbem fotos no interior. Informe-se das regras antes de ir.

Passagens aéreas para Porto Alegre, São Paulo, Nova York e Lyon

Hotéis em Gramado, Canela, São Paulo, Nova York e Lyon

Cindy Wilk
Cindy Wilk

Cindy rodou mais de 40 países, ama praias e desertos, acha a Ásia o continente mais aconchegante do mundo e não pretende parar nunca de viajar para escrever e escrever para viajar. Autora de Endereços Curiosos de Londres (Panda Books) e Volta ao Mundo em 101 Dicas (Ediouro), colaborou para várias publicações de viagem e foi diretora de redação da revista TAM nas Nuvens.