Home > Viaje com > Destinos gay-friendly: Tel Aviv
27 de abril de 2017

Destinos gay-friendly: Tel Aviv

Por Clóvis Casemiro, coordenador no Brasil da IGLTA (The International Gay & Lesbian Travel Association)

tel-aviv-to-go-blogs-viaje-com
A prefeitura de Tel Aviv decorada para o mês do Orgulho Gay. Shutterstock_Mordechai Meiri

Antes de começar a ler este post, corra para comprar sua passagem! A Parada do Orgulho LGBT de Tel Aviv, entre as maiores do mundo, está chegando: ela acontecerá no próximo dia 9 de junho, uma sexta-feira da qual você nunca mais irá se esquecer.

Pronto. Agora, com o bilhete já reservado, vale saber alguns “detalhes” sobre a viagem que vem aí. O primeiro deles: você estará embarcando, simplesmente, para um dos mais badalados destinos gay do planeta. Se Israel é um país religioso e conservador, Tel Aviv representa o seu lado ultramoderno e liberal – pesquisas dão conta de que cerca de 25% (!) de sua população seja formada por LGBTs.

tel-aviv-to-go-blogs-viaje-com
Shutterstock_Rostislav Glinsky

Partindo desse número, não poderia ser diferente: a vida do público gay na cidade é supertranquila, mesmo em se tratando de um destino com fortes valores religiosos e muita tradição cultural. O principal ponto de encontro é o trecho de praia em frente ao hotel Hilton – ótima dica de hospedagem. No lugar, conhecido como “gay beach” e identificado pelas bandeiras coloridas, meninos e meninas tomam sol, curtem o mar e o clima de badalação (a praia ferve na época da Parada).

tel-aviv-to-go-blogs-viaje-com
Shutterstock_RnDmS

E, já que você está em Israel… reserve tempo para um tour por esse país cheio de história pra contar. São impressionantes, inesquecíveis e obrigatórias as visitas a Jerusalém, ao Mar Morto e a Massada. Em Tel Aviv, vale passear sem pressa por Old Jaffa, com casas de pedra de 3 mil anos, ateliês, lojas, restaurantes e linda vista para a capital.

tel-aviv-to-go-blogs-viaje-com
O Porto de Jaffa. Vale a visita. Shutterstock_volkova natalia

Pra terminar (e, principalmente, pra entrar no clima), recomendo esse vídeo divertidíssimo feito pela equipe do Põe na Mala na Parada de 2015:

A gente se vê em Israel!

dica to go travel

Em Tel Aviv, esqueça o carro. Aqui a melhor forma de se locomover é a pé – e se você estiver bem localizado, no centro, dá para andar para todo lado; ou de bicicleta. Uma dica: de bike, circule apenas por ciclovias ou, quando não tiver, pela calçada. E, se for bicicleta elétrica, as pessoas costumam levar a bateria quando deixam a bike. Israel é super seguro, mas, sim, são comuns os casos de roubos de peças de bicicleta.

Passagens aéreas para Tel Aviv

Hotéis em Tel Aviv